Título: Parei de estudar, mas quero voltar!

Uma das situações mais complicadas é aquela em que a pessoa já estudou para concursos, mas parou em razão de algum motivo, e quer voltar! Como fazer?


Estudar é para a vida toda! Eu nunca parei, e nunca pretendo parar! Estou sempre estudando, uma coisa ou outra.


Estudar não tem idade, não tem desculpas, não tem alternativa!


Em qualquer profissão, em qualquer atividade, o estudo é necessário. De uma forma ou de outra!


Se você parou há tempos, escolha um foco principal:


1 – Concursos?


2 – Pós?


3 – Nova graduação?


4 – Aperfeiçoamento profissional?


Não importa! Após a escolha do foco, levante as matérias que serão necessárias ao seu objetivo, e as inclua em sua rotina.


De toda sorte, é essencial que você não tente voltar estudando no ritmo que já estudou anteriormente, pois as chances de se desanimar e desistir de novo são muito grandes.


Seria o mesmo que estar sedentário por alguns anos, e voltar à academia querendo colocar a carga de pesos que já conseguiu antes, ou tentar correr 30 minutos à 10km/h estando sem preparo físico! Você vai desmaiar.


O mesmo acontece em relação aos estudos. Se você já estudou 4 ou 5 horas líquidas diárias anteriormente, mas está parado há algum tempo, com certeza você conseguirá recuperar essa meta, mas não logo na volta. Com o tempo, sim!


Mas para não se assustar, volte com 30 minutos ao dia na primeira semana!


Se cumpriu os 30, aumente para 60 nas duas próximas semanas!


Cumpriu os 60? Então ao final da 3ª semana, inclua mais 30 ao dia!


Pronto! Ao final do primeiro mês, você estará estudando 90 minutos diários, sem esforço demasiado!


No próximo mês, tente aumentar mais 30 minutos por dia, durante mais 4 semanas!


No 3º mês, mais 30 minutos!


Ao final do 4º mês, você estará estudando 3 horas diárias sem o desânimo daquela pessoa que tentou voltar estabelecendo essa carga logo de início.


Para evitar ficar neurótico, se você estuda e trabalha, fique um tempo nessas 3 horas diárias, perfazendo 21 horas líquidas mensais.


Pelo menos até atingir o sexto mês após o retorno.


Após o sexto mês, tente aumentar para 4 horas líquidas diárias, ou 28 horas semanais, e siga nesse ritmo até o edital, sempre visando o equilíbrio emocional, físico, cognitivo e profissional.


Resumindo:


SEMANA 1 – 30 MINUTOS DIÁRIOS;


SEMANA 2 – 60 MINUTOS DIÁRIOS;


SEMANA 3 – 60 MINUTOS DIÁRIOS;


SEMANA 4 – 90 MINUTOS DIÁRIOS;


MÊS 2 – 90 MINUTOS DIÁRIOS;


MÊS 3 – 120 MINUTOS DIÁRIOS;


MÊS 4 – 180 MINUTOS DIÁRIOS;


MÊS 5 – 180 MINUTOS DIÁRIOS;


MÊS 6 – 240 MINUTOS DIÁRIOS.


Dicas:


a) divida os horários em sets de 1 hora, e de preferência entre manhã, tarde e noite, para que a carga contínua não te desanime;


b) pratique 150 minutos de atividades físicas aeróbicas semanais;


c) estabeleça momentos de lazer com a família e esqueça completamente dos

concursos quando estiver neles;


d) encontre hobbies que te acalmam e que te geram prazer, e os pratique pelo menos 1 vez na semana.


Essas dicas farão muita diferença no seu resultado final. O stress é capaz de inviabilizar as milhares de horas líquidas estudadas, acredite em mim! Não o ignore!


Um abraço.

Posts recentes

Ver tudo