Concurso TJDFT: novas especialidades de analista criadas!



O presidente do TJDFT (desembargador Romeu Gonzaga) autorizou a criação de duas especialidades para a carreira de Analista Judiciário. Segundo o desembargador, foram criadas as especialidade de Análise de Dados e Segurança da Informação para a carreira de Analista Judiciário (área Apoio especializado). Ademais, também foi alterado o Manual de Descrição de Cargos do TJDFT. De acordo com o documento, também é citado sobre os requisitos para investidura nos cargos, descrição sumária das atividades e jornada de trabalho das novas áreas.


As especialidades criadas estão previstas para serem oferecidas no próximo concurso do Tribunal. Conforme o projeto de Lei Orçamentária Anual de 2022, foram autorizadas 250 vagas. Segundo informações do Portal da Transparência, 394 cargos estão vagos no órgão.


Último Concurso TJDFT


O último certame do TJDFT aconteceu em 2015 e foi organizado pelo Cebraspe. De acordo com o edital a oferta foi de 80 oportunidades imediatas para os cargos de Analista Judiciário em diversas especialidades e Técnico Judiciário. Os candidatos foram avaliados por provas objetivas compostas por 50 questões de conhecimentos básicos e 70 questões de conhecimentos específicos, além de provas discursivas.


Acesse aqui o último Edital!


Resumindo


  • Concurso: Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (Concurso TJDFT)

  • Situação: Previsto

  • Cargos: Técnico, Analista e para a carreira de magistrados

  • Vagas: a definir

  • Banca: a definir

  • Escolaridade: Nível médio e superior

  • Cargos: Técnico e Analista

  • Remuneração: de R$ 7.591,39 até R$ 12.455,30