Concurso STM 2017: nível médio e superior

Compartilhar:

 

Concurso STM

 

O Concurso STM 2017 está cada dia mais próximo. Foi divulgada nesta sexta a minuta do edital com informações a respeito do certame. Confira AQUI o documento na íntegra.

Sobre o Concurso STM 2017

Serão ofertadas ao todo 42 vagas para nível médio e superior. Existem vagas para os cargos de Analista Judiciário – Área Judiciária (05 vagas), Analista Judiciário – Área Administrativa (01 vaga), Analista Judiciário nas especialidades Análise de Sistemas (01), Contabilidade (01), Engenharia Mecânica (01) e Estatística (01); Técnico Judiciário – Área Administrativa (31 vagas) e Programação (01 vaga).

O salário inicial do STM e da Primeira Instância da JMU é regido pela Lei 11.416/2006, que dispõe sobre as carreiras dos servidores do Poder Judiciário da União: Analista Judiciário: R$ 10.119,93  e Técnico Judiciário: R$ 6.167,99.

Os aprovados no Concurso STM 2017 poderão atuar no Rio de Janeiro-RJ, São Paulo-SP, Juiz de Fora-MG, Porto Alegre-RS, Santa Maria-RS, Bagé-RS, Curitiba-PR, Salvador-BA, Recife-PE, Fortaleza-CE, Belém-PA, Manaus-AM, Campo Grande-MS e Brasília-DF.

As provas objetivas contarão com 120 itens, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, de caráter eliminatório e classificatório. A redação será um texto dissertativo, de até 30 linhas, acerca de tema dos conhecimentos básicos definidos no edital. Apenas para os cargos de nível superior. As provas serão realizadas em todas as capitais da federação, e também nas cidades de Juiz de Fora/MG, Santa Maria/RS e Bagé/RS, em turnos distintos para nível superior e nível médio.

Sobre os cargos STM 2017

Analista Judiciário – Área Administrativa: tem requisito de diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. O Analista irá realizar atividades de nível superior, de natureza técnica, relacionadas ao planejamento, coordenação, supervisão e execução de tarefas, envolvendo: elaboração de pareceres, de informações, de relatórios, estudo e análise de documentos de natureza administrativa; pesquisa e seleção da legislação e da jurisprudência sobre matéria de natureza administrativa para fundamentar análise, conferência e instrução de processos na área de sua atuação; entre outras funções.

Analista Judiciário – Área Judiciária: tem requisito de diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. O aprovado neste cargo terá que atividades de nível superior, de natureza técnica, relacionadas ao planejamento, à coordenação, à supervisão e à execução de tarefas, envolvendo elaboração de projetos, pareceres, informações, relatórios, pesquisas e estudos na legislação, na jurisprudência e na doutrina, inclusive de outros países, para fundamentar análise, conferência e instrução de processos; assistência técnica em questões que envolvam matéria de natureza jurídica, analisando, emitindo informações e pareceres, para subsidiar a tomada de decisões; entre outras atribuições.

Técnico Judiciário – Área Administrativa: exige  certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível médio, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação. O técnico terá que efetuar atividades de nível intermediário, relacionadas ao planejamento, à organização e à execução de tarefas de apoio às atividades administrativa e judiciária, envolvendo: organização, guarda, arquivamento e andamento de processos e documentos; atendimento ao público interno e externo, prestando informações sobre a tramitação de processos e outras questões relacionadas à unidade de trabalho; elaboração e conferência de documentos; trabalhos que exijam conhecimentos básicos de informática, inclusive de digitação; controle e guarda do material de expediente, observando o consumo e a reposição em tempo hábil; autuação, registro, classificação, recuperação, requisição e seleção de feitos com base na legislação pertinente e nas normas técnicas; controle de bens patrimoniais sob a responsabilidade da unidade, solicitando, quando necessário, a manutenção preventiva e corretiva dos equipamentos; quaisquer outras atividades inerentes à área de atuação.

Último Concurso STM

O último certame realizado pelo órgão ofertou 122 vagas para analista e 31 para técnico, totalizando 153 vagas. O certame foi organizado pelo Cespe/Unb ( Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília). Foram aplicadas provas objetivas e discursivas e teste de aptidão física. Acesse AQUI o último edital.

Concurso STM 2017

  • Concurso: Concurso Superior Tribunal Militar.
  • Situação: edital em breve.
  • Vagas: 42.
  • Cargos: Analista e Técnico.
  • Escolaridade:  nível médio e superior.
  • Remuneração: até R$11 mil.
  • Banca: Cebraspe.
Publicado: 04 de agosto de 2017.
Compartilhar: