Concurso MTE: sindicato quer regras para a seleção

Compartilhar:

Concurso MTE

Um novo Concurso MTE  pode ser realizado em breve! Sendo assim, o Sindicato da categoria (Sinait) pede regras fixas para o certame de Auditor-Fiscal do Trabalho, com objetivo de dar mais segurança a seleção.

Cargos e Vagas do Concurso MTE

São 1.163 oportunidades para o cargo de Agente Administrativo, de nível médio. A remuneração para o cargo é de R$ 3.881,97. Para nível superior são 242 vagas, distribuídas nas seguintes funções: 85 para Administrador, 32 para Arquivista 5 para Engenheiro, 5 para Estatístico 3 para Sociólogo, 26 para Psicólogo, 10 para Técnico em assuntos Educacionais, 10 para Técnico em Comunicação Social e 12 vagas para a carreira de Economista. A remuneração para estes cargos é de R$ 5.494,09.

Também foram solicitadas vagas para Fiscal! São 1.190 vagas para Auditor Fiscal do Trabalho. O cargo exige nível superior em qualquer área de formação e tem iniciais de R$ 19 mil!

Sobre o Concurso MTE

O Sinait (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais) manifestou apoio à realização do certame, que teve o pedido negado em 2015 por causa de cortes no orçamento. A diretora do Sinait, Rosângela Rassy, disse que “é fundamental que se aumente o número de auditores-fiscais do trabalho, além de proteger os empregados, também atuamos na arrecadação que traz crescimento econômico para o país”.

O Ministério do Trabalho e Emprego passa por uma defasagem de servidores. Apenas 2.500 auditores estão em atividade para fiscalizar cerca de 86 milhões de trabalhadores. Cerca de 500 servidores ainda estão prestes a se aposentar. Esse é o menor quadro de servidores em 20 anos, segundo o Sinait. De acordo com pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea),  a carência é de mais de 5 mil auditores do trabalho no país.

Concurso MTE

  • Concurso: Ministério do Trabalho e Emprego.
  • Situação: solicitado.
  • Vagas: 2.600 solicitadas.
  • Cargos: Vários.
  • Banca: não definido.
Publicado: 29 de junho de 2017.
Compartilhar: