Receita Federal - edital aguardado para 2016!

Compartilhar:

Publicado em 15 de fevereiro de 2016

O concurso da Receita Federal do Brasil, um dos mais sonhados pelos concurseiros de todo o Brasil, deve ter edital lançado em 2016.

O órgão já enviou para o Ministério do Planejamento o pedido de autorização para a realização do concurso. Foram solicitadas 5 mil vagas, sendo 2 mil para o cargo de Auditor-Fiscal e 3 mil vagas para o cargo de Analista Tributário.

No dia 21 de janeiro o processo que trata do pedido de autorização de concurso para a RFB avançou mais uma vez dentro do Ministério do Planejamento. Segundo o site protocolo integrado, o documento foi recebido pela Coordenação-Geral de Carreiras, Concursos e Desenvolvimento de Pessoas III/DECDP-SEGRT/SEGRT/Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Em janeiro o processo teve várias movimentações, dentre elas uma na Coordenação-Geral do Setor de Desenvolvimento Econômico e Produtivo I, onde teve seu nível geral alterado para restrito (sinalização positiva, pois todos os concursos já autorizados este ano seguiram tal rito); e a outra no gabinete da Secretaria de Gestão de Pessoas. Veja aqui as movimentações do processo.

O último concurso para Analista Tributário foi realizado em 2012 e existe grande evasão de servidores que ingressam em órgãos de fiscalização estaduais. Muitos aprovados para o cargo de Analista Tributário continuam estudando para o cargo de Auditor, acabam passando e deixando os cargos de Analista vagos. A carência de Analistas Tributários é muito grande no órgão. O último concurso para Auditor-Fiscal foi realizado em 2014.

Para concorrer a uma vaga para Auditor ou Analista é necessário possuir nível superior completo em qualquer área de formação. A remuneração inicial para o cargo de Analista Tributário da Receita Federal do Brasil – ATRFB é de R$9.629,42 e para o cargo de Auditor-Fiscal da Receita Federal do Brasil – AFRFB é de R$16.116,64. Nesses valores já está incluído o auxílio-alimentação de R$373,00.

O nível de ocupação das vagas existentes para ambos os cargos é de cerca de 50% ou menos, o que mostra a grande necessidade de servidores por parte do órgão. Tendo em vista esse cenário, é esperado que o concurso seja autorizado o quanto antes. No fim do ano passado o coordenador-geral de Gestão de Pessoas da Receita, Francisco Lessa, já ressaltava a urgência de se ter um novo concurso. “Precisaremos sim realizar um novo concurso em 2016. Uma providência (a nomeação dos excedentes de auditor) não exclui a outra, porque a necessidade é muito maior”, afirmou.

Os concursos para AFRFB e ATRFB são feitos tradicionalmente pela Escola de Administração Fazendária – ESAF e os candidatos são avaliados por meio de provas objetivas, provas subjetivas (dissertativa para analista e discursiva para auditor), além de sindicância de vida pregressa.

O Ponto preparou vários cursos para auxiliá-lo em sua preparação para este concurso. Confira:

Cursos para ATRFB

Cursos para AFRFB

Bons estudos!

Equipe Ponto dos Concursos

Publicado: 15 de fevereiro de 2016.
Compartilhar: