Entrevistas

Professor Renato Fenili


Entrevista com o professor Renato Fenili, autor do livro “Administração Pública para Concursos – Abordagem completa”

 

A Editora Ponto e a Editora Impetus acabam de lançar mais um livro: Administração Pública - Abordagem Completa, do autor Renato Fenili. O intuito da obra é trazer uma visão prática ao tema e oferecer uma didática eficiente àqueles que estão buscando uma carreira na administração pública.

 

Analista Legislativo da Câmara dos Deputados desde 2008, professor no Ponto dos Concursos desde 2010 e ex-oficial da Marinha do Brasil, o autor, Renato Fenili, lança sua segunda obra e se diz privilegiado por agir como facilitador do aprendizado de alunos em prol da realização pessoal.

 

“Eu já estive, há pouco tempo, do lado de quem sonhava com um cargo público, e tive a felicidade de contar com profissionais que levavam a sério seus papeis como professores – todos aqui do Ponto, já que não dispunha de tempo para frequentar cursos presenciais. Entendo que, nesta etapa da minha vida, apenas passei para o outro lado: agora sou eu quem deve agir com o máximo de profissionalismo, de modo a retribuir a confiança que os alunos depositam em mim. Os resultados práticos, nesses três anos, têm sido os melhores possíveis”, afirma Fenili.

 

Confira abaixo um pouco mais sobre a obra e o autor:

 

Ponto dos Concursos - Professor, qual foi sua maior motivação para escrever esse livro?

 

Renato Fenili - Minha maior motivação é prover um ferramental sólido que possa aproximar os candidatos da aprovação em um certame. Aliada a isso, a motivação vem da felicidade em realizar um trabalho árduo, sério e responsável – atributos indissociáveis do processo de confecção do livro. Simplesmente isso!

 

Em minha percepção, há uma severa lacuna no mercado de obras de qualidade voltadas ao estudo da Administração Geral e Pública, direcionadas à concursos. Estou seguro de que o livro tornar-se-á, com o tempo, uma referência obrigatória na caminhada dos alunos rumo à realização de seus sonhos pessoais.

 

Diante de um mercado saturado de livros preparatórios, o que você considera ser o diferencial do  “Administração Pública para Concursos”?

 

Os poucos livros de Administração Pública para concursos disponíveis no mercado são, invariavelmente, de dois tipos: ou são livros teóricos, que apresentam questões de concursos sem comentários; ou são livros de questões comentadas, que pecam por não abordarem aspectos teóricos com a devida seriedade. Entendo que o diferencial da obra é justamente o fato de ela ser completa em si: há uma exposição sólida da teoria, aliada a cerca de 360 questões, todas comentadas com profundidade.

 

Fazer uma obra nesses moldes leva tempo.  Foram cerca de 15 meses de trabalho contínuo que culminaram na obra. Mas o resultado me deixou muito satisfeito.

 

Como surgiu a afinidade com essa disciplina?

 

A afinidade com a disciplina decorre de duas fontes principais. Primeiramente, meus estudos em termos de mestrado (já concluído) e doutorado (que atualmente curso) em Administração proveram uma robusta base cognitiva e uma capacidade em termos de avaliação crítica sobre conteúdos tais como cultura organizacional, teorias organizacionais, evolução histórica da Administração Pública e modelos gerenciais.

 

Em complemento, minha atuação profissional conduziu-me à prática do planejamento estratégico (sou gerente de um programa da Câmara dos Deputados), da gestão de projetos e processos, e de facetas de empreendedorismo organizacional e de gestão de pessoas em termos normativos (servidores e terceirizados). Este acúmulo de conhecimentos foi essencial durante a elaboração do livro. Serviu como um norte, um caminho seguro na exposição teórica e na resolução dos exercícios.

 

Atualmente, você ministra cursos somente dessa disciplina?

 

Atualmente ministro tanto cursos de Administração (Geral) e Pública quanto de Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais.

 

Quais as diferenças entre o livro e os cursos de Administração Pública em PDF?

 

Em geral, os cursos em PDF são disponibilizados em momento próximo às provas, muitas vezes após a publicação do edital do concurso. Isso possibilita fazer um recorte da disciplina, frisando apenas os aspectos cobrados pela banca. O estudo pelo curso em PDF é uma escolha extremamente inteligente a ser tomada pelo candidato, em especial quando a programação do edital já veio a público. Há de se considerar, ainda, que o curso em PDF disponibiliza a ferramenta do fórum de dúvidas, um canal direto com o professor, e que pode servir como importante complemento à sedimentação do aprendizado.

 

O livro, na minha concepção, é mais completo. Sua proposta é cobrir todo o conteúdo passível de constar em um edital. Serve em todas as etapas da preparação e seu estudo faz do aluno um candidato extremamente competitivo em provas. São mais de 500 páginas de conteúdo objetivo e tem a propriedade de gerar uma visão sólida da disciplina ao candidato que basear nele seu estudo.

 

Para quem recomendaria o estudo pelo livro “Administração Pública para Concursos”?

 

Em poucas palavras: àqueles que desejarem a aprovação em concurso público.

 

Já tem planos para novos livros?

 

No final do mês, a segunda edição de meu livro de Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais será lançada. A primeira edição dessa obra tornou-se o referencial da disciplina no mercado e está esgotada. Foi muito bem recebida e o modelo didático foi transposto para o meu livro de Administração Pública. A segunda edição foi bastante ampliada – em termos de conteúdo e de exercícios comentados. Estou seguro de que continuará servindo de fonte essencial do estudo da disciplina.

 

Quanto a novos livros, tenho dois projetos em andamento. Um deles concerne um livro voltado à redação de pareceres em concursos, um conteúdo bastante específico e praticamente ignorado na literatura disponível para certames. Em médio prazo – assim espero – esta obra estará disponível. Quanto ao outro projeto, por ser ainda insipiente, carece de melhor estruturação antes de vir a público. De qualquer forma, demandará muito estudo e esforços, de minha parte, para sua realização.

 

Gostaria de deixar algumas dicas de preparação para quem almeja um cargo público?

 

O essencial é aliar estratégia e disciplina – aliás, quais os objetivos em nossas vidas que podem prescindir desses ingredientes? Não adianta ser apenas disciplinado, mas não elaborar um cronograma de estudos inteligente, por exemplo. Ou mudar de foco a cada vez que um novo edital é publicado. Ou, ainda, estudar por materiais de baixa qualidade.

 

Da mesma forma, raramente terá êxito o candidato que, a despeito de gozar de uma ótima estratégia de estudos, não for disciplinado. Disciplina e motivação caminham juntas. O candidato deve trabalhar, em todos os instantes, sua automotivação. O caminho não é fácil – para ninguém. Mas é justamente isso que torna a aprovação algo tão especial e que deve ser entendido como motriz dos esforços do aluno.

 

Publicado: 01/08/13 - 10h30