Prof. Fernando Mesquita

23/06/2013 | 21:35
Compartilhar

Fórmulas mágicas na vida e nos concursos

É fácil acreditar em fórmulas mágicas. Elas são simples como "cortou doces e emagreceu 28kg". Acontece muito nas notícias sobre fitness e saúde. E essas chamadas são usadas pela (quase) mesma razão que te chamou a atenção agora - elas despertam a curiosidade e fazem você ler o artigo completo.

Mas o problema é que a vida não é feita de fórmulas mágicas. Ao ler o artigo, você encontrará a história "Fulano começou cortando doces e os 4 litros de refrigerante que tomava todos os dias. Depois, procurou um nutricionista, mudou sua alimentação e começou a praticar exercícios físicos X vezes por semana". A história quase sempre é mais profunda.

Apesar disso, muitas vezes terminamos ainda com a impressão de que a "mágica" aconteceu.

Chamo de mágica tudo aquilo que não pode ser explicado pela relação causa x efeito. Ou seja, se você lê que alguém "estudou X horas por dia e passou no concurso Y", embora pareça causal, é mágica. 

Digo isso porque a aprovação é composta por uma série de fatores e de atividades que não podem ser descritas de maneira simplista. Ser aprovado envolve organizar a rotina, adquirir materiais, selecionar o que, quanto e como estudar os conteúdos, fazer exercícios, revisar, fazer provas, controlar o estado emocional, ajustar-se às circunstâncias, lidar com variações de humor e de motivação, auto-motivar-se, lidar com pressões externas e internas, ajustar-se a tudo (rotinas, materiais, expectativas), selecionar quais concursos fazer, etc. Por isso, não se pode acreditar na mágica, por mais que ela seja tentadora. Só sabe quem vive o dia a dia e passa cada problema, as evoluções e cada vitória.

Portanto, não ache que vai ser fácil. A maioria das boas coisas na vida não é. Não há UM fator que seja determinante para seu sucesso. As boas aprovações normalmente são um conjunto de fatores, previamente estabelecidos, ajustados com o tempo e bem executados.

Torne o estudo sua prioridade e ele o recompensará tomando só o tempo necessário.

E, se você precisar de ajuda para dissecar a "mágica" e transformá-la em ação, estou com o coaching regular ( http://bit.ly/11MNnGM ) e o intensivo para TLAA/Câmara dos Deputados ( http://bit.ly/18XqQ2A ) abertos.

Bons estudos e sucesso,
Fernando Mesquita

fernando.mesquita@pontodosconcursos.com.br


Comentários

  • 23/06/2013 - Seven
    Fernando... totalmente oportuno seu comentário. Fico loco com comentário do tipo... "mas como não passou ainda?? Deve estar faltando alguma coisa!! O amigo do meu vizinho passou no último concurso da rebinboca da parafuseta..." Cara.. ninguém que está realmente nesse mundo sabe as dificuldades desse caminho: tempo, cansaço, sono, vida particular, tempo passando e aí??? Confiança, persistência e auto-motivação são os pontos chaves!
  • 23/06/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Seven,
    Concordo com você. Só que estuda sabe a dificuldade que é uma aprovação naquela prova que queremos de verdade. Fique firme aí na luta.
  • 23/06/2013 - Alessandro Batista
    Outro dia vendo uma aula on line, o professor disse que quando ele foi aprovado para Auditor, um tio dele na comemoração lhe perguntou assim: - E aí? como é que a gente faz pra conseguir uma "molezinha" dessa, pode?
    Realmente só quem vive esse mundo pra saber como sofre o coitado do concurseiro. Parabéns professor!
  • 23/06/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Valeu, Alessandro. Pois é. Vida de concursando não é fácil, não. A felicidade é que um dia a gente chega onde quer (ou perto o suficiente) e pode achar graça dessas histórias.
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: