Prof. Igor Oliveira

26/05/2013 | 09:48
Compartilhar

Erros comuns na preparação para um concurso público

Olás!

Tenho notado que a maioria dos candidatos enfrentam basicamente os mesmos problemas durante a preparação para um concurso público. Muda só o CPF, pois os problemas são praticamente todos iguais. Quase todos tem boa formação ou um bom histórico de estudos, mas ficam perdidos na hora de se organizar. A reação mais comum é querer abraçar o mundo e estudar uma porção de disciplinas ou estudar para vários concursos. Quando o candidato dá sorte ele ainda se deparara com bons materiais, mas muitos não tem essa sorte.

Estudar é como adquirir preparo físico. Ninguém vira maratonista da noite para o dia. A pessoa tem que se acostumar a correr pequenas distâncias primeiro, para depois sim tentar algo maior. Melhor ainda, a pessoa tem que se acostumar a fazer atividade física. Ou seja, no iniciozinho da preparação é muito mais importante criar o hábito que buscar um desempenho maravilhoso.

Outra síndrome muito comum é querer começar grande. Não canso de escutar: "professor, estou disposto a estudar 8 horas por dia". Quer uma dica: comece humilde. A grande maioria dos candidatos que passaram não chegavam a estudar 4 horas em períodos que antecediam o edital. Eu mesmo dificilmente passei das 3 horas. É muito complicado conciliar trabalho, filho, família, e até mesmo lazer, com o estudo. Costumo brincar que tem que ser malabarista na vida se você quer ser aprovado! Outra coisa, quantidade sem qualidade é perda de tempo. Estude o que der, cuidando de sua saúde, da forma mais concentrada que conseguir.

É necessário ter foco, escolher uma grande área e traçar um planejamento de maneira que você fique fera nas disciplinas que sempre caem naquela área. Por exemplo, se você quiser ser fiscal do ICMS ou Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil, você sabe que Direito Tributário e Contabilidade Geral são duas disciplinas que irão fazer parte da sua rotina de estudos, além de outras, claro. O núcleo duro das matérias deve ser bem construído. Caso contrário o candidato vai ficar amassando barro a vida inteira e não vai passar em nada. Simples, não acha?

Na prática tenho notado que não é tão simples assim. Conheço uma porção de gente que sabe tudo o que deve ser feito, mas não faz, ou não consegue fazer.

Se você se sente perdido e quer uma ajuda especializada, tenho algo para oferecer: meu tempo. Isso mesmo. Tercerize seu sofrimento e seu planejamento. Deixe que eu pense por você e te guie rumo à aprovação. Quer outra notícia boa? Ainda há vagas no meu COACHING BÁSICO PARA CONCURSOS, destinado justamente a esse público que está batendo cabeça!

Caso queira saber mais dê uma olhada na nossa proposta:

COACHING BÁSICO PARA CONCURSOS

Tamu junto!

igor@pontodosconcursos.com.br

 


Comentários

Ainda não há comentários

Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: