Prof. Fernando Mesquita

17/05/2013 | 14:36
Compartilhar

Análise do Edital - Escrivão PF

Você se considera um candidato sério?

A pergunta não é retórica. Espero que você a tenha respondido com um "sim" bastante categórico. Porque, como diria um concursando que entrevistei outro dia, "esse mundo dos concursos não perdoa turistas". Não seja um turista nesse mundo.

Candidato sério analisa o edital. E não tem medo de artigos grandes - principalmente os que tratam de assuntos de seu interesse. Se você vai fazer a prova de escrivão da PF, a leitura é obrigatória. E deixe um comentário dizendo como está sua preparação para a prova.

Vamos à análise do Edital

Ponto 1: 350 vagas
Concurso bom é concurso com muitas vagas. Por quê? Porque obviamente é muito mais fácil de entrar.

Se você gosta da área policial, se interessa e acha que tem vocação, a prova de escrivão é um ótimo ponto de partida. Com 350 vagas, então, basta levar a sério que a aprovação chega.


Ponto 2: Sem cadastro de reserva
Por outro lado, não há que se contar com convocações adicionais, porque o edital é claro quanto às condições de classificação e de eliminação. Então, planeje-se para ficar dentro das vagas

Ponto 3: TAF é só eliminatório
O teste de aptidão física tende a ser uma pequena preocupação entre os candidatos, principalmente porque o teste da polícia federal está entre os mais puxados do país.

Entretanto, há de se lembrar que ele é apenas eliminatório, ou seja, você não precisa ser nenhum atleta para se dar bem. Só precisa do mínimo em todos e procurar ser bom em uma ou duas modalidades que a aprovação está garantida.

Ponto 4: Classificação no concurso é definida pela nota no curso de formação
Isso é importante por uma razão muito simples: a lotação será definida com base nessa classificação. Essa é a diferença entre ir para o Acre ou para o Rio Grande do Sul (que podem ser ambas boas escolhas definidas por uma série de fatores).

Vivo advogando que candidato para começar a ser competitivo tem de ler e entender todo o edital. Leia: (20.2 Para a escolha de lotação serão disponibilizadas vagas, preferencialmente, nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira). Sacou a jogada? Nada te impede de ir para outras unidades - desde que haja vaga e desde que você esteja bem posicionado(a).

Ponto 5: Qualquer graduação - inclusive tecnológica
Os cursos tecnológicos têm crescido de forma intensa nos últimos anos (e, se você está aqui, creio que não preciso me preocupar com preconceito em relação a educação a distância). O próprio DPF, em um canal de tira-dúvidas informou que as graduações tecnológicas são válidas para fins do concurso - desde que a instituição seja reconhecida pelo MEC.

Ponto 6: Inscrições começam hoje
Não fez ainda? FAÇA AGORA! Sério. Agora! [Ctrl] + Clique aqui para fazer sua inscrição. AGORA!

Ponto 7: Inscrição deve ser paga até 18/06
Minha dica? Pague a inscrição o quanto antes. Dinheiro não tá fácil e acho que todo mundo sabe disso, mas de qualquer forma, procure pagar o boleto um pouco antes. Não tem dinheiro? Crie lembretes para o pagamento uma semana antes de vencer (tipo 11.06). Há diversos aplicativos na internet para isso, inclusive o Google Agenda, que podem te ajudar a lembrar.

Ponto 8: Provas em 21/07 - aprox. 60 dias
A prova está a aproximadamente 60 dias de distância. O que dá para fazer nesse tempo? Bastante coisa, principalmente se você participar da equipe de elite que estamos formando no coaching intensivo. Quer sair na frente? Clique aqui e matricule-se agora"

Ponto 9: Provas objetivas valem 120 pontos
Nenhuma novidade - mas repare, as disciplinas não têm pesos. O que isso signfica para o candidato? Que todas são importantes, mas aquelas que você não domina devem ser estudadas com mais afinco. É claro que se espera que em uma prova da área policial as disciplinas específicas ocupem mais espaço, o que daria a elas mais peso. Na prova de agente da PF no ano passado, por exemplo, cerca de 20% da prova versou sobre penal, processo penal e leis correlatas. É bastante coisa. Mas os outros 80% também são, então cuidado com a sua distribuição do tempo.

Ponto 10: Discursiva (tema desconhecido) vale aproximadamente 10% da prova
Discursiva é boa e pode fazer muita diferença. Mas temos visto provas cujas discursivas valem às vezes até 30% da nota final. Se você não domina, corra para fazer um pouco a mais do mínimo. Se você domina, procure manter (e aumentar, se possível) sua vantagem garantindo uma boa nota.

Ponto 11: TAF - 14 e 15 de setembro (aproximadamente 4 meses)
barra física, impulsão horizontal, corrida 12 minutos, natação 50 metros. Já está praticando? Sério, já está praticando?

Já participei de uma prova física (para um cargo cujo salário hoje está beirando os 14 mil reais em um bom órgão) que o candidato, aprovado em uma das primeiras posições nas provas escritas, foi eliminado na prova de natação. Sério, gente, prioridades. Se você leva uma vida sedentária, matricule-se numa academia, procure um professor e providencie RÁPIDO uma revolução no aspecto físico. Além de ser bom para você, é essencial (literalmente) para a aprovação.

Ponto 12: Investigação social pode eliminar
A investigação social é a atividade por meio da qual o órgão analisa sua vida pregressa e sua conduta para saber de fatos desabonadores que possam impedir sua entrada no órgão. Você bebe até cair, grita no seu apartamento, dá festas até tarde, passeia por lugares duvidosos com companhias piores ainda, tem dívidas e mais dívidas ou problemas com a justiça? Procure resolver isso o quanto antes, e o que náo puder resolver, ache uma boa justificativa. Você vai precisar dela. E não vale "mas eu não sabia". Tá no edital.

Ponto 13: Na discursiva, valerão as duas ortografias (antes e depois do acordo ortográfico)
A essa altura, você já deveria saber todo o novo acordo. Se não sabe, está na hora de aprender, mas isso não vai te prejudicar - os dois serão aceitos. Mas sério, aprenda.

Ponto 14: 3/02/14 a 20/06/2014. A data do seu curso de formação
O curso de formação é, sem sombra de dúvida, uma das etapas mais interessantes da carreira. É onde você vai entrar em contato com as técnicas, a filosofia, a estrutura e os equipamentos da Polícia Federal. Você quer estar lá?

Ponto 15: Você só poderá levar o caderno de provas nos 15 minutos finais
Concursando sério carrega consigo o caderno de provas. Mesmo que você não passe nessa, é fundamental que você analise sua prova, seus erros (e seus acertos) e entenda o que aconteceu. A única forma de se aprimorar é por meio da autocrítica. Quer passar? Fique até o final e aproveite seu tempo. E leve o caderno pra casa e confira com o gabarito preliminar e com o definitivo. Acha que passou? (nota em torno de 60 a 70% da final) Corra para se preparar para o teste físico, se já não estiver bem nele.

Ponto 16: Os conteúdos são simples
Para a prova, serão cobrados Português, Informática, Atualidades, Raciocínio Lógico, Administração, Direito Penal, Processo Penal, Direitos Administrativo e Constitucional, Leis diversas e arquivologia. As matérias não são complicadas nem muito profundas. E pra quem tem uma noção delas, ainda dá tempo de entrar nas vagas.

Quais são as matérias mais importantes? Quais tenho de estudar mais?

Bom, todas são importantes e você precisa estudar mais aquelas que tem mais dificuldade. "Fernando, como sei em quais matérias tenho mais dificuldade?" São aquelas em que você não consegue acertar os exercícios ou não consegue compreender os conteúdos. Como fazer nesse caso? Estudo focado e consciente, aliado à resolução exaustiva de exercícios. Se você não sabe por onde começar e sente que talvez esse concurso ainda não seja pra você, Clique aqui e conheça o coaching básico para concursos" e se prepare com força para os próximos.

Ponto 17: Nomeação prevista para 31/07/2014

Pode ser que a essa altura, no ano que vem, você esteja prestes a ser nomeado. Você está construindo hoje o seu amanhã. Você está cuidando bem de você no futuro?

Deixe um comentário e me diga como você está se preparando para essa prova.

Bons estudos e sucesso,
Fernando Mesquita


Comentários

  • 27/05/2013 - Guilherme R
    Excelente artigo.
    Fernando, tens alguma notícia sobre os próximos concursos da Receita Federal?
  • 28/05/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Obrigado, Guilherme. Por enquanto, tudo na mesma.
  • 27/05/2013 - elaine
    Adorei o artigo!
  • 28/05/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Obrigado, Elaine.
  • 17/05/2013 - Tiago Teodoro
    Muito bom esse artigo.
    (Sério, muito bom mesmo).
  • 17/05/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Obrigado, Tiago.
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: