Prof. Bruno Fracalossi

12/05/2013 | 19:25
Compartilhar

Dicas do Fracalossi XI - Pare de se sabotar e dê a volta por cima!

Olá meus amigos, tudo bem?

Volto hoje com mais uma dica de como estudar para concursos!

Retirei o título deste artigo de um famoso livro best-seller.

Irei falar especificamente para aquelas pessoas que se enganam ou enganam a seus familiares, perdendo muito tempo da vida se lamentando, como se o problema dos resultados negativos nos concursos fosse das outras pessoas, ou até mesmo de Deus.

Conheço muitas pessoas que estudam há anos, e mesmo assim não conseguem se sair bem em nenhuma prova.

Eu tenho observado um pouco disso nas minhas turmas de consultoria.

Muitos alunos, com capacidade brilhante, não conseguem deslanchar, mesmo com excelentes materiais, tempo de sobra, e experiência de vários anos estudando.

Mas por que isso acontece, professor?

Porque elas se sabotam.

Como assim?

Sim, meus amigos, muitas pessoas se sabotam. Muitas pessoas funcionam como se tivessem um inimigo dentro de si, lutando contra elas.

É uma espécie de bloqueio. E esse bloqueio aparece de várias maneiras.

As principais formas de sabotagem que eu venho observando na Consultoria do Ponto são as seguintes:

1 - Falta de concentração, por preguiça ou por medo de não conseguir aprender;

2 - Falta de estratégia para estudar de forma correta;

3 - Falta de organização;

4 - Falta de metodologia correta;

5 - Efeito bola de neve.

Vou explicar cada uma delas. Você pode se identificar com algumas. Porém, se você se identificar com mais de três delas, você pode ser denominado como um autosabotador.

1 - Falta de concentração, por preguiça ou por medo de não conseguir aprender;

Vejo muitos alunos que ficam o dia inteiro em uma sala de estudo ou em uma biblioteca, por vários meses ou até mesmo por anos, e que não conseguem acertar mais do que 50% em uma prova de múltipla escolha.

Isso é inaceitável. Se você estuda por anos, mas não consegue observar um gráfico de melhoria nos seus resultados, você tem grandes chances de ser um sabotador de si mesmo.

Repare se você estuda mesmo, com concentração, ou se você perde horas em frente ao livro ou à tela do computador pensando no que vai fazer no final de semana, no que vai fazer na academia à noite etc. Você tem que se concentrar naquilo que está estudando. Tem que ler com atenção. Tem que policiar os seus pensamentos de 5 em 5 minutos se você for uma pessoa desconcentrada.

Uma maneira que eu sugiro para tentar consertar esse problema é através do estudo alternado das matérias, com um tempo máximo de 60 minutos em cada, e com um cronômetro ligado na sua mesa de estudos.

Toda vez que você se desconcentrar, ou levantar para ir ao banheiro etc, pare o seu relógio.

Ao final do dia, observe quanto tempo você estudou de verdade.

Uma aluna minha me contou que ficou extremamente desapontada com o rendimento dela, já que ela achava que estudava 9 horas ao dia, mas o primeiro dia de marcação resultou em somente 5 horas líquidas.

Ela não imaginava o tempo que ela perdia com a falta de concentração.

Estou ajudando-a a se tornar uma ex-sabotadora, rsss!

2 - Fala de estratégia para estudar de forma correta;

Essa é uma outra forma de autosabotagem. Muitos alunos, na grande maioria por preguiça, não conseguem dividir a carga horária de estudos de forma estratégica, conforme o peso e o nível de cobrança da matéria na prova.

Tenho observado uma enorme tendência de os alunos comprarem toda uma excelente bibliografia para um concurso e começarem a estudar sem estabelecer uma boa metodologia. Sem dividir o estudo por assuntos que realmente importam ou pelos que mais caem nas provas.

Muitas pessoas criticam a minha consultoria dizendo que estudar é sentar na cadeira e ler. Não é assim, e eu garanto isso. Para pessoas que são pontos fora da curva, tudo bem, basta isso mesmo. Mas para a grande maioria dos estudantes, há que se adotar uma estratégia interessante.

3 - Falta de organização;

Amigos, vocês têm que organizar o local de estudo e as matérias que serão estudadas.

Comprem aquelas pastas de escola, transparentes, e coloquem uma etiqueta indicando do que se trata aquela pasta. Guardem os seus resumos, listas, exercícios, materiais em PDF impressos etc nelas. Em empresas privadas, uma das características mais apreciadas em um funcionário é a sua organização.

Você é um funcionário da empresa dos estudos. Você tem que se organizar para achar aquilo que quer estudar de maneira fácil e rápida. Um ambiente de estudos poluído tira o prazer do estudo.

Tente deixar a sua mesa ou quarto de estudo sempre limpo e organizado. Você irá observar como o prazer de estar ali aumentará.

4 - Falta de metodologia;

Não adianta meus amigos. Muitas pessoas falam sobre isso, mas são poucas que conseguem estabelecer uma metodologia adequada de estudos.

Esse foi um defeito que eu constatei em 80% dos meus alunos da Consultoria.

Poucos possuíam uma tabela organizada de estudos, com metas a serem batidas, gráficos de desempenho do acerto de exercícios etc. Isso é de suma importância no atual cenário de estudos.

Você tem que marcar de alguma forma o seu nível de melhoria nos estudos. Se você não souber disso, como irá aprofundar ou dividir mais tempo de estudos para uma matéria que você não esteja com um bom aproveitamento.

Eu observei vários alunos se saindo muito bem em três ou quatro matérias, mas muito mal em algumas outras. A tendência da maioria é aprofundar ainda mais os estudos nas matérias em que ela já está bem, e negligenciar o estudo na matéria na qual se esteja mal, chegando, muitas vezes, ao ponto de largá-las, dando a desculpa de que não conseguirão aprendê-las ou melhorar nelas.

Não é assim que funciona! As matérias devem ser estudadas de uma forma correta e bem dividida. Se você não gosta de estudar determinada matéria, mas ela é importante, você tem que dobrar o estudo dela em sua metodologia, até aprendê-la de forma razoável.

Nos concursos atuais, não dá para deixar nada de lado. Temos que estudar todo o edital. Alguns assuntos, logicamente, de forma mais ou menos aprofundada, mas temos que abordar todo o conteúdo pedido.

5 - Efeito bola de neve;

Observei essa forma de autosabotagem em um aluno meu da 2ª turma. Não irei citar o nome dele, mas posso dizer que é um cara com um potencial excelente, mas que não consegue se disciplinar, e quando não cumpre a meta de um dia da semana, desiste da semana inteira, pois não conseguirá bater a meta da semana também.

Eu chamo isso de efeito bola de neve. Um simples erro ganha tamanha proporção que se torna um erro sem solução.

Não podemos ser assim. Se você não conseguiu estudar o programado para aquele dia, deixe quieto. Pule as matérias do dia e tente compensá-las depois, mas não deixe a perda de um dia influenciar psicologicamente o alcance da meta dos outros dias.

Eu também já fui assim, mas me policiei bastante até superar isso.

Não deixe um dia ruim de estudos se transformar em uma bola de neve, estragando toda a semana de estudos.

Isso é psicológico, e deve ser tratado com a força de vontade que está dentro de nós.

Era isso o que eu queria dizer pessoal!

Pensem nesses defeitos com carinho. Todos nós possuímos alguns deles, mas cabe a nós superá-los.

Informo que restam somente 8 vagas para completar a 3ª turma da Consultoria para Concursos, com início previsto para o dia 1º de Abril.

http://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=4848


Informo também que as turmas possuem vagas limitadas para não perdermos o acompanhamento personalizado dos alunos.

Um grande abraço.

Prof. Bruno Fracalossi

brunofracalossi@pontodosconcursos.com.br


www.facebook.com/bruno.fracalossipaes








 


Comentários

  • 26/09/2014 - Andre
    kkkkkkkkkkkk!! Me identifiquei muito com a primeira aluna que achava que era mega estudiosa e na verdade era super desfocada. Eu falava que estudava fácilmente 10 horas por dia....nada que um cronômetro não desmentisse com uma franqueza atroz. Enfim, mais uma vez, eu e meu timer, inseparáveis amigos de estudos desde então. Ótimo artigo!
  • 11/03/2013 - Rebeca
    Sua uma bola de neve =/
  • 10/03/2013 - BRUNO
    Sou uma aluno bola de neve...
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: