Prof. Bruno Fracalossi

03/02/2013 | 16:15
Compartilhar

Dicas do Fracalossi VII - Como agir no dia anterior e no dia da prova?

Olá meus amigos(as), tudo bem com vocês?

Tenho recebido muitos e-mails comentando as minhas dicas de estudo postadas aqui na parte de artigos do site.

Como a maioria tem elogiado, continuarei escrevendo as minhas "memórias", rsss.

Deixo claro que essas dicas representam a minha metodologia de estudo, e que funcionaram comigo. Mas não é garantia que funcionarão com todas as pessoas. Em razão disso, sugiro que vocês tentem adaptá-las à realidade de vocês.

Hoje eu escrevo sobre como se preparar no dia anterior e no dia da prova?

Essa dica de hoje é muito subjetiva. Vou passar aqui as minhas rotinas. Mas acredito que muitas pessoas possam agir de forma diferente. Isso vai de cada um, mas é a minha opinião sobre os vários momentos de prova pelos quais eu já passei.

O dia anterior

Muitas pessoas falam para você diminuir o ritmo de estudos na semana da prova. Sinceramente, eu não acho necessário.

Para se dar bem nas provas de concursos, é importante você conhecer como o seu organismo funciona. Uma constatação que eu fiz em relação ao meu é que quando eu ficava um dia desligado dos estudos, no outro eu conseguia me concentrar ao máximo, já que eu tinha um descanso natural do cérebro.

Mas eu acho improdutivo diminuir o ritmo dos estudos em uma semana inteira antes da prova. Acho que isso atrapalha. Você tem que dar é o gás nessa última semana, porque ela é decisiva para a sua aprovação. Tente deixar a última semana para revisar toda a matéria o máximo de vezes possível.

Já em relação ao dia anterior à prova, eu acho sim proveitoso se desligar totalmente. Desanuviar a mente. Você já vai estar com o conteúdo todo consolidado no cérebro, e terá que passar pelo stress de um dia ou de um final de semana inteiro sentado em uma sala de aula fazendo prova.

É importante então que você fique tranquilão no dia anterior. Faça algo de que você goste, mas sem exageros. Não coma muito, não beba álcool, vá ver um filme, andar no parque, caminhar na praia, sei lá. Não leia nada e nem discuta nada sobre concursos. Descanse a sua vista e a sua mente. Relaxe o máximo possível, vá dormir cedo, e se prepare para a maratona.

O dia da prova

Geralmente, eu não fico nervoso para fazer provas. Com exceção da prova de AFRFB 09, em todos os outros concursos que eu prestei, sempre me mantive bem tranquilo.

É importante você acordar cedo, para que não comece o dia já atrasado e na correria. Se sua prova for de manhã, tome um café da manhã reforçado, mas evite alimentos pesados como ovos, salsicha etc.

Se for à tarde, faça um almoço leve também.

Procure o endereço da sua escola/faculdade no Google Maps. Se você estiver fazendo provas em uma cidade que não seja a sua, já combine com um taxista antecipadamente, ou se certifique do horário que o ônibus ou o metrô costuma passar no local que você irá pegá-lo.

Se você for para a prova de carro ou de táxi, e já conhecer a cidade, saia com pelo menos uma hora de antecedência. Se for de ônibus ou metrô, saia duas horas antes. Isso é necessário para evitar stress de engarrafamentos e imprevistos, que podem ser decisivos para o seu desempenho no concurso.

Quando eu chego ao local da prova, não gosto de conversar com ninguém. Pode ser amigo ou não, gosto de ficar quieto, concentrado.

Mas por quê, professor? Porque tem muita gente que não estudou da mesma forma que eu estudei, ou que estudou mais, e que é sem-noção, ou seja, começa a falar de matéria, de conteúdo que eu não estudei, ou começa a tirar onda que está sabendo demais, que vai destruir a prova (esses são os mais comuns) etc. Particularmente, se eu estiver estudado bem para o concurso, não me importo com isso, mas prefiro evitar.

Deixa para conversar depois da prova. Antes, sente em um lugar isolado, fique concentrado, faça uma oração. Tente se manter focado no seu objetivo que está por vir.

Eu lembro-me quando fiz a prova de ATRFB, que uma menina sentou ao meu lado e um cara na minha frente. Primeiro esse cara começou a conversar comigo dizendo que estava chapado porque tinha ficado bebendo a noite toda e que não tinha estudado nada e blá blá blá! Aí entra a menina na conversa e me solta que na Receita Federal só passava quem tivesse se formado em Direito e Contabilidade, e que ela tava sabendo muito, e sei lá o que mais...! Eu que tinha me formado em Engenharia já podia desistir, né, kkkkkkk!

Eu te pergunto? Qual é o sentido de você ficar conversando com pessoas que você nunca viu na vida sobre essas inutilidades? Isso não traz nenhum benefício para você. Pode, se você estiver um pouco nervoso, te deixar mais nervoso ainda e te atrapalhar na prova.

Pois bem, continuando a história, eu me levantei e saí da sala, só voltando quando a prova ia começar. Os dois saíram com uma hora de prova e nem voltaram no dia seguinte. E eu, que não era nem advogado e nem contabilista, passei no concurso.

O que eu quero te dizer é que fique na sua no dia da prova. Evite ficar batendo papo. Converse somente com quem for realmente amigo seu e que você sabe que não tentará te desestabilizar. Evite ficar conversando com colegas de cursinho e biblioteca, porque, querendo ou não, são seus concorrentes e podem querer te atrapalhar (infelizmente, é assim que funciona). Concurso hoje em dia está parecendo aquelas presas disputadas por um grupo de Leões na selva, rsss!

Se você gosta de estudar seus resumos antes da prova, leve-os e fique no carro ou em uma sombra tranquila que não tenha ninguém conversando sobre o quanto estudou ou deixou de estudar.

Quando você entrar na sala, se não existirem lugares marcados, como acontece nas provas da ESAF, prefira sentar na última cadeira e no canto oposto ao da porta. De preferência, longe de contato direto com vento de ventilador ou ar-condicionado. Todos esses fatores podem te tirar a concentração.

Sentar no fundo e no canto oposto ao da porta é para evitar prestar atenção à movimentação das pessoas dentro e fora da sala, e ao barulho dos corredores.

Se a sala possuir lugares marcados, e você achar que esse lugar vai te atrapalhar, peça para o fiscal te mudar de lugar após o começo da prova. Sempre falta muita gente na prova e sobram muitos lugares.

Eu sempre levei para a prova uma garrafa d'água, uma caixinha de halls e duas ou três barras de cereais. É bom você dar uma parada de um minuto a cada hora, chupar uma bala e tomar um gole d'água. Isso te relaxa um pouco e descansa o seu cérebro.

Em algumas provas, eu vejo gente levando até cesta básica pra sala. Fico impressionado. Tem gente que leva pacote de bolacha, laranja, melancia, tubaína etc. Não sei como consegue se concentrar com aquele tanto de coisa na mesa e parando para comer o tempo todo.

Fique esperto com quem leva refrigerante para a sala também, viu? Em um concurso que eu fiz, uma menina abriu uma garrafa de Coca-Cola e o líquido estourou da garrafa molhando o cartão de prova de duas pessoas que estavam ao lado dela. Os três foram desclassificados, já que não havia outros cartões para eles. O pau quebrou entre eles, hehehe!

Bom pessoal, isso era o que eu queria passar para vocês hoje!

Eu sei que o que importa mesmo é estudar. Mas essa preparação pode fazer alguma diferença também.

Essas são as minhas impressões. Tentem achar a melhor forma de adaptá-las, ok?

Um grande abraço e até a próxima!

Prof. Bruno Fracalossi

brunofracalossi@pontodosconcursos.com.br


www.facebook.com/bruno.fracalossipaes







 


Comentários

  • 04/02/2013 - anderson silva
    bruno,vc é cara.por favor,continue dando dicas para motivar aqueles que lutam na batalha por uma vaga no serviço público federal
  • 04/02/2013 - Rosana
    Oi professor! De fato sobre a bebida é isso mesmo que acontece...ontem fui fazer a prova do MPE-MS e uma menina abriu uma garrafa de água c/gás e estourou tudo...ainda bem que era água...e sorte que foi longe de mim...!! continue nos fornecendo suas dicas, abraços.
  • 04/02/2013 - Alessandro Batista
    Muito bom Bruno!
    Se alguém deixar cair refrigerante no meu gabarito em ICMS/SP... Eu mato...rsrsrsrs!!!
    Valeu! Há e continue postando mais dicas, parabéns!

    Alessandro
  • 04/02/2013 - Felipe Arruda
    Cesta basica foi f... hahaahahahah
  • 04/02/2013 - ricardo
    kkk...muito bom esse artigo..Talvez as pessoas conversem com outras desconhecidas nas provas até por uma questão de aliviar a tensão mesmo...Mas tem razão, existem pessoas sem noção, que querem te desestabilizar...E isso temos que vigiar sempre, e nessas horas sair e orar!
  • 03/02/2013 - Maria Socorro da Cos
    Professor,

    Suas dicas são ótimas. Parábéns!

    Maria Socorro
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: