Prof. Thiago Alves

03/12/2015 | 17:53
Compartilhar

Desvendando o Concurso da ANAC: Regulação Econômica na prática!

Olá, amigo concursando!

Como você já sabe, o edital da ANAC está bem próximo de ser publicado!

Que tal, então, você já iniciar os seus estudos e sair na frente dos demais candidatos?

 

Pois bem! Vou usar esse espaço para esclarecer três conceitos importantes sobre REGULAÇÃO ECONÔMICA que poderão aparecer na sua prova:

    • ECONOMIAS DE ESCALA
    • ECONOMIAS DE ESCOPO
    • ECONOMIAS DE DENSIDADE

 

Vamos lá?!


As ECONOMIAS DE ESCALA são reduções nos custos médios derivadas da expansão da quantidade produzida. Dentre os fatores que contribuem para uma maior economia de escala, podemos citar: maior especialização do trabalho, incremento tecnológico, menor preço das matérias-primas (pois o produtor irá comprar maior quantidade desses insumos) etc.

Já as ECONOMIAS DE ESCOPO são reduções nos custos médios derivadas da produção conjunta de bens distintos. Isso ocorre porque os insumos, assim como os recursos de distribuição e comercialização, serão melhor aproveitados por uma só empresa do que por várias delas.

Por fim, temos o conceito de ECONOMIAS DE DENSIDADE, que está relacionado à existência de custos decrescentes proporcionais à proximidade entre consumidores de um serviço provido por uma indústria de rede. Assim, quanto mais afastados estiverem os consumidores uns dos outros, maiores serão os custos de incorporação e de provisão de serviços para cada um deles; inversamente, quanto mais próximos estiverem, menores serão esses custos.

 

Acredito que os dois primeiros conceitos (Economias de Escala e de Escopo) já são mais conhecidos pelos alunos. Vou, então, exemplificar o terceiro desses conceitos (Economias de Densidade):

No caso da aviação civil, uma economia de densidade pode existir se os custos unitários declinarem quando uma empresa aérea adicionar assentos nos voos existentes. Isso ocorre, por exemplo, pelo uso de aviões maiores, que permitem um maior aproveitamento da rota a ser percorrida!

Vamos deixar isso mais fácil de entender? Basta você pensar nos custos incorridos por dois aviões diferentes de uma empresa: um que transporta 10 passageiros e outro que transporta 50 passageiros. Você concorda que essa empresa terá que cobrar um valor mais alto dos passageiros transportados no avião menor? Isso porque (considerando que esses dois aviões percorrerão a mesma rota e que gastarão praticamente o mesmo valor em combustível) os custos unitários serão menores no outro avião. Afinal de contas, o custo total será dividido por um número maior de passageiros! :)

 

E aí, o que achou!?

Esses e outros conceitos importantes já estão sendo estudados pelos meus alunos do curso “AGÊNCIAS REGULADORAS E REGULAÇÃO”. Que tal você se juntar a nós e “arrebentar” na hora da sua prova?

Acesse já:

https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=53687


Não perca tempo! Já estamos para iniciar a nossa terceira aula!

Um grande abraço,

Professor Thiago Alves.


Comentários

Ainda não há comentários

Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: