Prof. Bruno Fracalossi

22/10/2015 | 18:05
Compartilhar

Os 15 concursos das carreiras TOP federais mais difíceis do Brasil!

Olá pessoal, tudo bem?

O artigo de hoje toca em um assunto que pode gerar polêmica, mas que marca a minha concepção sobre os concursos públicos federais mais difíceis de ser aprovado no Brasil.

De antemão, reforço que a listagem abaixo é baseada não só na minha opinião pessoal, mas também nos meus vários anos de estudo, trabalho como servidor e coaching de carreiras públicas, e conhecimento sobre cargos, carreiras e concursos públicos.

Com certeza teremos algumas distorções e opiniões contrárias, mas faz parte. Para cada pessoa, há diferentes níveis de percepção de dificuldade, baseados em formação pessoal e profissional, conhecimentos específicos etc.

Destaco aqui que todos os concursos abaixo são muito difíceis, e de forma alguma essa listagem é um demérito para as carreiras que estão no final. Essa lista só contém os cargos TOP! Ou seja, cargos de destaque na administração pública brasileira.

Um concurso pode ser bem mais fácil para uma pessoa com formação em exatas do que para uma pessoa com formação em humanas, porém, vou tentar ter uma abordagem bem imparcial.

O que eu levei em consideração foi basicamente o número de candidatos inscritos, a dificuldade das matérias e provas, o número de aprovados, regularidade dos certames, salários, e conhecimento do órgão e da carreira pelos postulantes.

Se faltar algum na lista, peço que cite, por favor, e se for mesmo relevante, faço a alteração na listagem.

Espero que esse artigo possa servir como base para muitas pessoas escolherem ou não determinado foco.

E se você quiser saber mais sobre cada um dos cargos descritos, é só adquirir o meu livro: Guia Completo das Carreiras Públicas Federais, em qualquer livraria, bem baratinho.

Segue a listagem:

1º – Magistratura Federal

Salário atual: R$ 30.000,00 iniciais, aproximadamente.

O concurso de Juiz Federal é famoso pela sobra de vagas. E a sobra de vagas não é resultante da falta de preparo dos candidatos, mas da enorme dificuldade das provas, além das inúmeras fases que o concurso possui, dentre elas: prova objetiva, prova de sentença, prova oral e prova de títulos.

Para mim, e para vários especialistas, esse concurso é o mais difícil do Brasil na área federal.


2º – Procurador da República

Salário atual: R$ 30.000,00 iniciais, aproximadamente.

Assim como o concurso de Juiz Federal, esse cargo é um dos mais visados por aqueles formados em Direito. O nível da prova também é muito alto, com as mesmas fases do concurso de Juiz. Porém, ele é reconhecidamente um pouco mais plausível que o de Juiz. Sobram menos vagas também do que os da Magistratura, mas que não significa nível de dificuldade baixo. Pelo contrário! É um concurso dificílimo também.

Muitos candidatos miram no concurso de Juiz e acabam aprovados no de Procurador.


3º - Consultor Legislativo da Câmara dos Deputados e do Senado Federal

Salário atual: R$ 28.000,00 iniciais, aproximadamente.

O fator dificuldade das provas e número de fases nem é o que mais pega aqui nesses dois concursos. O fator de dificuldade deles é a concorrência extremamente qualificada, o diminuto número de vagas (às vezes uma, ou duas), e a falta de regularidade dos certames.

 

4º - Prático de Navios

Salário atual: Variável, mas pode chegar a R$ 100.000,00 iniciais, aproximadamente.

Esse é um dos concursos mais desconhecidos do Brasil, mas o nível de dificuldade das provas é gigante, com provas orais e práticas em língua estrangeira. Geralmente, as pessoas que focam nele já estão em outros cargos TOP, pois ele tem uma especificidade muito grande que são as matérias e pré-requisito de cursos voltados para a área naval, o que acaba não te permitindo realizar outros concursos parecidos.

O regime de trabalho é por plantão, e cada plantão pode render até R$ 10.000,00 reais.

Os concursos também não são tão constantes, o que aumenta a dificuldade deles.


5º - Cartórios

Salário atual: Variável, mas pode chegar a R$ 200.000,00 iniciais, aproximadamente.

Concurso restrito a bacharéis em Direito, com matérias bem específicas. Quem foca em concursos de cartórios geralmente não aproveita as matérias para os demais, então isso faz com que os candidatos sejam bem qualificados, muitos deles já Juízes, Procuradores ou Consultores Legislativos.


6º - Diplomata

Salário atual: R$ 16.000,00 iniciais, aproximadamente.

Esse pode ser considerado o concurso mais difícil do Poder Executivo Federal. O número limitado de vagas, o alto nível de cobrança dos conteúdos, com diversas fases (também em língua estrangeira), e o alto nível de preparação dos candidatos o coloca nessa posição no ranking.

Como as matérias são bem restritas também, os candidatos costumam focar somente no cargo em questão, o que dificulta por demais a aprovação.


7ª – Analista de Processo Legislativo da Câmara e do Senado

Salário atual: R$ 22.000,00 iniciais, aproximadamente.

Metade de Brasília estuda para esses cargos, e a outra metade queria estudar também. Basta ver o número de candidatos que disputaram os últimos concursos, assim como as altíssimas notas para a aprovação.

O fator de dificuldade aqui nem é tanto o de conteúdo, grande quantidade de matéria, ou até mesmo muitas fases. O que pesa aqui é o alto nível dos candidatos, que estudam 3, 4, 5 anos somente para esses cargos.

 

8º - Auditor Federal de Controle Externo do TCU

Salário atual: R$ 18.000,00 iniciais, aproximadamente.

O concurso em voga é um dos mais disputados, principalmente por aqueles focados na área de controle e fiscal. A dificuldade dele também vem em razão do alto nível dos candidatos, que geralmente já ocupam outros cargos TOP, como CGU, Tesouro, MPOG, Bacen, RFB etc.,

Pesa também o elevado número de matérias, assim como a grande visibilidade do órgão, que foi eleito como o melhor da Administração Pública para se trabalhar no ano de 2014, pela revista Exame.


9º - Auditor-Fiscal da Receita Federal

Salário atual: R$ 17.000,00 iniciais, aproximadamente.

Conhecido como a menina dos olhos dos concurseiros, esse concurso pode ser considerado como um dos mais difíceis do país. O grande viés de matérias exatas atrai muitos engenheiros, contadores, administradores e economistas de formação.

O nível dos candidatos, e a dificuldade das matérias, assim como a elevada concorrência, o colocam na 9ª posição do nosso ranking.


10º - Delegado e Perito de Polícia Federal

Salário atual: R$ 18.000,00 iniciais, aproximadamente.

Concurso restrito para bacharel em Direito ou para formações específicas. O que pesa em sua dificuldade é o perfil dos candidatos, ou seja, em sua maioria, policiais por sonho e/ou vocação, fazendo com que o conhecimento e o preparo daqueles seja de nível bem alto.

Ressalta-se também a necessidade de provas físicas, a falta de constância de concursos, assim como o pequeno número de vagas.


11º - Carreiras da Advocacia-Geral da União (Advogado da União e Procurador Federal, do Bacen e da Fazenda Nacional) e Defensor-Público Federal.

Salário atual: R$ 18.000,00 iniciais, aproximadamente.

Esses concursos são específicos para aqueles que possuem formação de Direito. Geralmente, os aprovados são candidatos que estão se preparando para a Magistratura ou Ministério Público Federal. Ou seja, o nível dos aprovados é bem alto.

O que joga esses concursos para a 11ª posição, abaixo de outros com salários até menores, é a alta rotatividade deles, fazendo com que o número de vagas e concursos seja mais constante.


12º - Analista do Banco Central do Brasil

Salário atual: R$ 16.000,00 iniciais, aproximadamente.

Concurso com candidatos muito bem preparados tecnicamente, geralmente com cursos de Mestrado e Doutorado. A área econômica, por exemplo, é conhecida por um corpo técnico impressionante, assim como as demais também.

As provas costumam ser bem difíceis, com matérias específicas, e com alto índico de eliminação de candidatos bem preparados.

O concurso em voga possui uma constância e um número de vagas até certo ponto razoável, o que o joga para a 12ª posição.


13º - Auditor-Fiscal do Trabalho

Salário atual: R$ 17.000,00 iniciais, aproximadamente.

Outro concurso que possui candidatos de altíssimo nível, muito deles que estudam também para a Receita Federal. A especificidade das matérias cobradas, e o pequeno número de vagas eleva a dificuldade desse certame, mas não o coloca acima dos demais aqui na lista.

 

14º - Carreiras do Ciclo de Gestão Federal (AFC/CGU e STN, APO e EPPGG/MPOG e ACE/MDIC).

Salário atual: R$ 16.000,00 iniciais, aproximadamente.

As carreiras do Ciclo de Gestão possuem corpo técnico de altíssimo nível, e são candidatos de excelentes currículos pessoais, com cursos de Mestrado e Doutorado em diversas áreas.

As matérias são de alta dificuldade, mas o número de vagas e de concursos regulares é razoável, o que os colocam nessa posição na lista.


15º - Oficial da Abin

Salário atual: R$ 16.000,00 iniciais, aproximadamente.

Concurso com candidatos bem formados e com vocação para a área, em sua maioria. A quantidade de matérias cobradas é pequena, e o número de vagas razoável, mas o alto nível dos candidatos, e a concorrência pesada, o coloca na nossa lista.


E aí, qual é a sua lista?

 

Informo que encontra-se disponível no meu grupo do Facebook, na parte de arquivos, a amostra do meu novo livro: Manual das Principais Bancas Examinadoras de Concursos Públicos, com os capítulos Esaf e Cespe.

Mas é somente para aqueles que se cadastrarem!

Estou sorteando vários livros nele!

As regras e o grupo estão nos links abaixo:

Regras dos sorteios

Técnicas de Preparação para Concursos Públicos (no grupo, todos os dias, um tema motivacional ou um texto interessante, meu e de outros autores).

Inscreva-se também no meu canal do youtube:

Canal do Bruno Fracalossi no youtube

Deixo aqui também o link para acessar as minhas turmas de Coaching para concursos:

Coaching - Bruno Fracalossi

Estão lançadas novas turmas, com início em 29/10.

Quem se matricular antes desse prazo começa imediatamente, e ganha alguns dias de trabalho gratuito!

Seguem seis entrevistas com aprovados do meu programa de Coaching:

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.asp?art=12660

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.asp?art=12590

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.asp?art=12550

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.aspart=12175

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.asp?art=12058

https://www.pontodosconcursos.com.br/entrevistas2.asp?art=12268

 

Seguem também as aulas do nosso curso online grátis de Técnicas de Preparação!

Aqui eu abordo desde os fatores necessários a um bom planejamento, passando pela execução, até o seu momento da aprovação.

Veremos:

- COMO DEFINIR E MANTER O MEU FOCO NÃO CEDENDO ÀS PRESSÕES EXTERNAS;

- COMO EQUILIBRAR A MINHA VIDA EM TODOS OS ASPECTOS;

- COMO ESTIPULAR METAS (NEM MUITO LEVES, NEM MUITO PESADAS);

- COMO ELABORAR UM PLANEJAMENTO DE CURTO E DE LONGO PRAZO;

- COMO SER MAIS DISCIPLINADO;

- CRIANDO UM RECEPTOR DE FEEDBACKS;

- TÉCNICAS DE RESUMOS;

- TÉCNICAS DE APRENDIZAGEM ACELERADA E DE MEDITAÇÃO FORÇADA;

- NÃO DÁ PARA USAR LEITURA DINÂMICA NOS ESTUDOS PARA CONCURSOS, MAS HÁ COMO LER MAIS RÁPIDO. COMO? 

- TÉCNICAS MOTIVACIONAIS E EMOCIONAIS; COMO CONTROLAR A MINHA ANSIEDADE E AUMENTAR A MINHA CONCENTRAÇÃO?;

- ERROS E ACERTOS DE UM CONCURSEIRO;

- TÉCNICAS DE PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA APLICADA AOS ESTUDOS;

- TÉCNICAS DE DISCURSIVAS; 

- AS MALÍCIAS DE UM CONCURSEIRO EXPERIENTE E COMO PRIORIZAR VOCÊ EM DETRIMENTO DOS OUTROS QUE NÃO RESPEITAM A SUA CAUSA;

O curso todo terá muito mais do que as 8 horas inicialmente previstas, e eu irei dividí-lo em aulas de 30 minutos aproximadamente, para que não fique muito cansativo!

Abaixo os links das aulas 01 a 10:

Aula 01

Aula 02

Aula 03

Aula 04

Aula 05

Aula 06

Aula 07

Aula 08

Aula 09

Aula 10

 

Um abraço.

Prof. Bruno Fracalossi 

Logo do Ponto 

brunofracalossi@pontodosconcursos.com.br

www.facebook.com/bruno.fracalossipaes

Grupo Técnicas de Preparação para Concursos - Facebook

Canal do Bruno Fracalossi no youtube

 



 



 



 


Comentários

  • 07/09/2016 - Nathália
    Ola Professor Bruno!! Gostaria que comentasse um pouco sobre a procuradoria estadual, apesar de não estar na esfera federal. Obrigada!
  • 20/11/2015 - Clarice
    A lista está em ordem de dificuldade? Se tiver, o Prático tem que ficar em primeiro. Pois é o mais difícil sem sombra de dúvidas (tem material só em inglês como navegação em águas restritas) e além de ser concurso Kamikaze, pois a pessoa estuda só pra ele e não usa o conteúdo pra mais nada. Passou passou, se nao passou espera o próximo que ás vezes pode demorar 10 anos. Os outros da lista vc pode aproveitar as matérias pra outros concursos e não fica tão tenso em estudar só pra aquele cargo.
  • 01/11/2015 - Francisco Vital Jr
    Não são todos os concursos para juiz federal que ocupam o status de mais difíceis. No topo só há o de juiz federal da 2º região. Para as outras regiões, os concursos são mais fáceis que o de procurador da república.
  • 28/10/2015 - Joao Fernandes
    Concordo com o que disse o colega acima: Procurador da República é o concurso mais difícil do país. Sobretudo entre os específicos (única área: Direito). Concursos como os da Receita Federal ou o do Rio Brando têm sua dificuldade na vastidão de áreas de conhecimento abrangida.
  • 24/10/2015 - Victor Guimaraes
    Na minha opinião o concurso de Procurador da República é mais difícil que o da Magistratura Federal...A prova objetiva é mais extensa, as subjetivas temos mais questões...
  • 24/10/2015 - vingador
    Carreiras muito bonitas,mas com um preco altissimo a pagar(horas de estudos,dinheiro,viagens,etc).Aqueles com forca e inteligencia,sao todos uma boa pedida
  • 23/10/2015 - Matheus
    Prof. Bruno, poderia comentar um pouco mais sobre os concursos para prático/cartório. Fiquei em dúvida em relação ao regime de trabalho, assim como sobre os valores informados como salário.
  • 23/10/2015 - Prof Bruno Fracalossi
    Olá Matheus, beleza? Prático trabalha em regime de escala, e o valor, se eu não me engano, é variável por porto. Conheço pessoas que trabalham 10 dias ao mês e recebem cerca de 8.000 por dia. Quanto aos cartórios, depende muito da cidade em que vc é lotado. Temos cartórios que pagam valores altíssimos, mas tb valores baixos, dependendo da demanda. Como vc vira o chefe do cartório, vc faz a sua rotina de trabalho. Um grande abraço.
  • 22/10/2015 - Mario Seixas
    Faltou o de Ministro Substituto do TCU e os de Conselheiro Substituto dos TCEs
  • 22/10/2015 - Gabriel Rissato
    Na minha opinião, faltaram as seguintes carreiras do Executivo Federal: a) Cargos da CVM e SUSEP (Analista da CVM, Inspetor da CVM e Analista Técnico da SUSEP); b) Cargos do IPEA (Técnico de Planejamento e Pesquisa, Analista de Sistemas, Assessor Especializado, Técnico em Desenvolvimento e Administração e Técnico Especializado); c) Especialistas das Agências Reguladoras e Especialista em Previdência Complementar; e d) Fiscal Federal Agropecuário. No restante, a lista está ótima (apesar de fazer confusão com cargos estatutários e não estatutários e não se ater a concursos federais; eu, particularmente, excluiria os concursos para Práticos e Cartórios da lista). Grande abraço!
  • 22/10/2015 - Fernando Carvalho
    Muito bom artigo, prof. Bruno. Como sonho com uma vaga no Legislativo rs vou continuar na luta para ser um dos top. Continue a nos orientar, por favor, abraços.
  • 22/10/2015 - Tiago
    Olá, professor. Uma pequena correção: concurso para Cartório é realizado na esfera dos Estados, e não na Federal. Em todo caso, ele de fato é um dos mais difíceis e concorridos.
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: