Prof. Victor Caetano

22/03/2014 | 18:49
Compartilhar

Dicas de estudo II - Estudar no horário de trabalho

Olá, amigos e amigas!



 



Hoje eu falo de um assunto um pouco polêmico que se refere ao estudo durante o horário de trabalho. Eu sei que pode haver visões diferentes sobre esse assunto, mas coloco a minha posição conforme minha experiência pessoal, ou seja, o que foi bom para o meu desempenho como concurseiro.



Existem pessoas que conseguem estudar durante o horário de trabalho, que o seu emprego/cargo permite tirar um tempo e dar uma lida em algum material ou entrar em um site para fazer exercícios on-line etc. Caso esse período de estudo não seja proibido e os seus colegas e chefe têm consciência disso e não se importam, eu não vejo grandes problemas.



Dê fato, algumas vezes, já ocorreu de eu terminar o meu serviço e, com tempo livre, entrar num site para ler a CF/1988 ou alguma legislação. Porém, comecei a perceber que esse breve tempo de estudo não rendia praticamente nada para mim. Além de que eu poderia ser mal visto pelos meus colegas. Nesse tipo de estudo, não se está em um ambiente propício de concentração.



O aprendizado exige concentração total e o ideal é ter horários reservados de exclusiva dedicação aos seus estudos. Assim, já que o meu objetivo era passar em outro concurso, a solução foi procurar transferência para um setor que tivesse possibilidade de horário mais reduzido. No meu caso, fui para o atendimento, com horário de seis horas corridas.



Setores como o atendimento às vezes podem ser cansativos e em alguns momentos estressantes, mas o lado positivo é que você não leva pendências para casa. Tudo se resolve durante o horário de expediente. Isso permitiu-me ganhar mais horas de dedicação exclusiva de estudo. Outra boa opção seria trabalhar em um setor que permitisse um horário mais flexível, com uma jornada de, por exemplo, sete horas corridas diárias.



Já ouvi muitos concurseiros reclamando que o fato de estarem trabalhando os deixa em desvantagem em relação àqueles que estão por conta dos estudos. Isso não necessariamente é verdade, o desempenho depende mais da qualidade do estudo e da disciplina do que do tempo gasto no estudo diário.



Um fato que me surpreendeu bastante ocorreu na abertura de Programa de Formação do concurso do Banco Central do Brasil, em fevereiro passado. Estavam todos os aprovados para Analista e Técnico (em torno de 1000 ao todo) assistindo a uma palestra de abertura, quando o palestrante perguntou quantos ali já eram servidores públicos. Então, entre 60 a 70% levantaram a mão! Isso sem contar os que já tinham emprego na iniciativa privada!



Se o foco é se preparar para concurso, deve-se evitar assumir muitas responsabilidades no seu trabalho, tais como chefia ou supervisão etc. Faça o seu trabalho com dedicação e vá para casa sem preocupações. O ideal é que se resolvam todas as pendências durante o expediente do dia, para que no horário de estudo, em casa ou na biblioteca, a cabeça esteja “limpa” para total concentração.



 



Seguem os links do cursos de Coaching lançados por mim:



 



Coaching para Concursos – 3 meses:



https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=7937



 



Coaching para Concursos – 6 meses:



https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=7938



 



Coaching para Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil



https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=7935



 



Coaching para Analista Tributário da Receita Federal do Brasil



https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=7936



 



Coaching para Assistente Técnico Administrativo do Ministério da Fazenda



https://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/produtos_descricao.asp?desc=n&lang=pt_BR&codigo_produto=7939



 



Eu o aguardo em nosso Coaching e desejo que, em breve, você esteja exercendo nobres funções em um dos diversos Órgãos Públicos do nosso País!!!



 



Desejo-lhe muito sucesso!



 



Em caso de dúvidas, mande um e-mail para:



victor.caetano@pontodosconcursos.com.br



 



Ou acesse o meu facebook:



WWW.FACEBOOK.COM/VICTOR.CAETANO.161



 



Grande abraço!



 



Prof. Victor Caetano


Comentários

  • 22/03/2014 - marcos
    Bom texto. Professor, mas na autarquia em que eu trabalho, apesar de ser seis horas corridas, é quase impossível terminar um expediente sem ter pendências: páginas para numerar, carimbar em branco, colocar capa, datar, assinar, furar, arquivar processos. No expediente, não dá para estudar não. Mas tento deixar tudo organizado para quando chegar em casa, o foco ser total.
  • 22/03/2014 - Prof Victor Caetano
    Marcos, muito boa a colocação do seu caso! Realmente, há entidades ou órgãos nos quais o volume do serviço ou a carência de pessoal não permitem que o trabalho seja todo finalizado durante o expediente. Mas você captou bem o núcleo da mensagem: tentar ao máximo reservar um horário de estudo com concentração e com foco total! Grande abraço!!!
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: