Prof. Fernando Mesquita

24/08/2013 | 11:23
Compartilhar

O Sucesso de A a Z - [Z] <b>Z</b>é Fini

C'est fini é uma expressão francesa que significa “é o fim”, “acabou”. A pronúncia correta é “cê finí” (“e” fechado). Em português, carinhosamente, cunhou-se a expressão "zé fini", muito apropriada ao nosso momento de hoje.

Antes de começarmos, me ajude com essa última enquete:

 


 

Acredito que poucas pessoas tenham o privilégio que tenho - de escrever para uma audiência qualificada e ávida por informações, disposta a aceitar desafios e a cumprir com o programado.

 

No dia 29/07/13, lancei um desafio - escreveria um artigo por dia, enquanto você se comprometia a estudar todos os dias, em atenção aos artigos que eram publicados.

 

Cá estou, encerrando minha promessa. Como foi você? Cumpriu a sua? Se não teve essa oportunidade, não tem problema. Volte à sua corrente e procure criar um trecho ainda maior dessa vez, ainda mais forte. Nem sempre conseguimos fazer as coisas de primeira.

 

Como era de se esperar, alguns artigos certamente ficaram aquém do que eu esperava, mas fui consertando-os ao longo do tempo. Perguntei a você o que você queria ouvir, pedi que me enviasse sua opinião, mudei alguns conceitos que tinha, tudo em função desse período.

 

Hoje, certamente posso dizer que sou um melhor escritor, melhor professor, melhor coach, melhor ouvinte, melhor concursando e melhor articulista do que era 26 dias atrás. E tudo isso graças a você, que aqui nos acompanhou e pôde participar dessa experiência que, pelo menos do lado de cá, foi incrível.

 

Vou aproveitar que já somos amigos e compartilhar algo muito pessoal meu - sempre fui um excelente iniciador, mas costumava ter problemas para finalizar projetos. Gosto do agito da fase inicial - planejar, pensar, considerar variáveis, reunir recursos. Entretanto, incontáveis são os "cadáveres" de projetos arquivados que tenho - de academias de ginástica a escolas completas, passando por pousadas e estúdios fotográficos e por livros engavetados.

 

Em parte, criei esse desafio como uma oportunidade de mudança pessoal, porque sei que o mundo precisa de pessoas que cheguem até o fim, que se lancem a um objetivo e o cumpram. E, no início, achei que não conseguiria, porque são tantas as circunstâncias que surgem para nos atrapalhar. Família, trabalho, ocupações, diversas, doenças, contratempos. Tudo isso parece conspirar para que você encontre uma razão para não acabar aquilo que começou - mesmo sabendo que vale a pena. Queria fazer minha parte e provar que é possível. E queria também que você entendesse que é possível, que com um passo de cada vez o caminho parece mais curto.

 

Espero que isso tenha sido uma experiência nada menos do que transformadora para você. Que algum aspecto de sua existência tenha sido positiva e intensamente alterado pelo que passamos aqui juntos - não só pelo que foi escrito, mas muito mais importante pelas reflexões propostas. Minha intenção nunca foi reinventar a roda ou dominar a discussão, mas fomentar em você a vontade de mudar para melhor, a vontade de agir, a vontade de reconsiderar o que precisaria ser reconsiderado. Se isso aconteceu, certamente minha tarefa aqui está completa.

 

Quero aproveitar a oportunidade e agradecer àquelas pessoas que direta ou indiretamente, conscientes ou não, contribuíram para que estes artigos fossem escritos e para que essa série pudesse se realizar. Foram pessoas que comentaram, que enviaram e-mails, perguntas, dúvidas, sugestões, críticas, elogios, participaram das enquetes, ou seja, fizeram-se presentes ostensivamente ou permitiram que os eventos acontecessem. Então, meu muito obrigado a você que fez parte dessa curta mas muito intensa experiência. Se você comentou, se votou nas enquetes, se gastou alguns minutos para ler o que eu tinha a dizer, saiba que me dirijo pessoalmente a você quando digo muito obrigado por tudo que passamos.

 

Boa parte das experiências que compartilhei aqui não são minhas, mas de candidatos como você que, já vitoriosos ou ainda não, decidiram contribuir com o conhecimento, com o tentar entender como esse louco mundo dos concursos funciona. O que passamos nos últimos dias só foi possível por conta de pessoas como você, dispostas a compartilhar suas próprias trajetórias, de forma anônima ou não.

 

Faço um último pedido: estou escrevendo um outro livro do qual você pode já ter ouvido falar. Chama-se Concursandos - o livro, que é a maior pesquisa sobre concursos públicos já realizada no país. Gostaria que você tirasse de 10 a 15 minutos para participar. É um livro que conta a nossa história - o que fazemos, como fazemos, quem somos. Cada história é incrível e vamos falar de muitas delas quando o livro estiver publicado, agora em 2014 (se tudo correr bem, logo depois da Copa do Mundo).

 

Então, convido você a acessar o link e responder essa pesquisa para que eu possa, tão logo seja possível, tentar contar a história dessa grande comunidade de que somos parte.

 

O formulário utiliza criptografia, então a transmissão dos seus dados é segura.

 

 

Se puder, indique a pesquisa para seus amigos. Quanto mais pessoas participarem, mais rápido será o final do projeto e mais rapidamente poderemos entender várias das questões que nos afligem. Obrigado.

 

Esse é segundo livro que estou escrevendo e aqui compartilhando com você. O primeiro, O Sucesso de A a Z, está em processo, e logo terei notícias para compartilhar.

 

Mas não pense que é só. [Quase] toda semana estarei aqui, publicando os resultados das enquetes, respondendo às perguntas que foram feitas e marcando presença. Conte sempre comigo, ok?

 

E, se você já deixou ou se nunca deixou um recado, mande o seu "tchau" hoje - é uma nova fase de nossas vidas que acabou de começar.

 

Você está mais perto de seus objetivos do que estava há 26 dias? Espero que sim.

 

Abraço e sucesso.

 

Fernando Mesquita

Coach | Ponto dos Concursos

fernando.mesquita@pontodosconcursos.com.br

 

Este artigo é o derradeiro do grupo "Sucesso de A a Z", meu compromisso estabelecido com a grande comunidade do Ponto dos Concursos em 29/07/2013. Um artigo por dia, cada um com uma letra do alfabeto no título. Sugestões? Comentários? Ansiedades? Deixe seu recado, mande um email e faça parte de nossa crescente comunidade.




Comentários

  • 28/08/2013 - Daniela
    Fernando, deu até uma tristeza por ver que chegou ao fim, mas o bom é que vem o livro por aí e mais artigos (quase) semanais, como você citou. É muito bom começar o dia com um de seus artigos. O estudo vem com mais gás após isso. Te agradeço muito por esses dias de dedicação. Foram muito importantes!
  • 27/08/2013 - Marcos Camilo
    Caro Professor, boa tarde! Seus artigos foram motivadores e questionadores, nos exigindo uma mudança. Quero agradecê-lo pela oportunidade e pela sua disposição em poder nos ajudar. Muito obrigado!
  • 26/08/2013 - GILVANA DOURADO BAHI
    Professor Fernando,
    Muito obrigada pelos artigos, pelas respostas, pelos emails.
    Você não só me motivou, como me mostrou que é possível, com força, vontade e dedicação!
    Muitos artigos, como lhe disse anteriormente, parecem que foram escritos para mim.
    Um forte abraço
    Gilvana
  • 25/08/2013 - Lara Rodrigues
    Professor, caso existam outras pesquisas a serem respondidas, por favor, informe-nos. A "troca de figurinhas" com outros candidatos ou aprovados pode ser proveitosa para aqueles que ainda estão na luta. Parabéns pelos artigos. Continue escrevendo, ok?
  • 26/08/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Lara, há muitas outras ainda. Essa certamente é só o início. Obrigado pelo apoio e pela leitura. Com certeza ainda passarei por aqui um bocado. Abraço e sucesso.
  • 25/08/2013 - Silvana
    Fernando, pode ter certeza que acompanhar sua série nestes 26 dias redobrou o ânimo para os estudos, principalmente porque você refletiu na essência nossas dificuldades nesta longa caminhada. A série deixou um gosto de quero mais, e espero continuar encontrando aqui em seus artigos a inspiração para enfrentar os desafios com mais força e coragem! Apesar da certeza de que impedimentos de toda ordem podem surgir, se a vontade for real, podemos superar tudo! Obrigada novamente, e já aguardo seu novo artigo, depois do merecido descanso...rs. Abraços!
  • 26/08/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Silvana, fico feliz que a série tenha cumprido seu papel. Não pretendo ir a lugar algum, então voltarei em breve com muita coisa ainda. Parabéns pela dedicação, obrigado pelo comentário e nos falamos aqui em breve, ok? Abraço,
  • 24/08/2013 - sandra
    Parabéns pela realização do seu projeto. Realmente, essa série contribuiu muito para a minha aprovação na primeira etapa do EPPGG: algumas estratégias foram modificadas, revisões realmente foram feitas. Estabeleci uma meta diária de exercícios e "varei madrugadas" para cumpri-la. As lições foram extraídas e absorvidas por mim com muita alegria. O tema resiliência ficou MARCADO. Procurei aplicá-lo com rigor. Precisaria de mais uma série dessa até chegar ao dia da fase discursiva, pois muitos dos seus temas funcionaram como verdadeiras cutucadas. Enfim, esse é o meu feedback para você. Mas ainda não é o Zé Fini.
  • 26/08/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Sandra, que beleza. Meus parabéns pela aprovação. Fico honrado em saber que posso ter contribuído emocionalmente para com esse feito. Esse tipo de comentário é exatamente o que me fez estar aqui todos os dias. Desejo muito, muito sucesso e mande uma mensagem depois dizendo como foi a segunda fase, ok? Abraço e sucesso.
  • 24/08/2013 - Emirene Freitas
    Professor, chegamos ao final né? Digo chegamos porque estamos caminhando com você neste projeto. Sem dúvida muitas pessoas foram beneficiadas com tudo que foi escrito aqui, porque foi escrito para nós. Alguns artigos foram transformadores para minha vida. Um forte abraço.
  • 26/08/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Emirene, chegamos ao final. Mas todo final é um recomeço, certo? Fico feliz em saber que puderam ajudar. Com certeza você está no caminho certo e nele permanecerá até a aprovação, não é? Abraço e sucesso.
  • 24/08/2013 - Gabriela
    Foram ótimos 26 dias. Na verdade mais que 26, pois já venho acompanhando seus artigos desde o início.
    Você é muito inspirador. Seus textos são ótimo e, de fato, nos ajudam muito a sentar, estudar, pensar no que realmente queremos e conversar com os familiares e amigos sobre isso (a carta para a família foi um texto bem marcante para mim). Obrigada.
    E espero que você continue nos ajudando, motivando. Espero que seus livros sejam publicados logo para poodermos lê-los. E espero que todós nós passemos NAQUELE concurso.
    Obrigada mais uma vez. Sucesso e bons estudos! ;)
  • 26/08/2013 - Prof Fernando Mesquita
    Gabriela, muito obrigado. Muitas coisas boas certamente ainda vão acontecer. Para mim, 2013 tem sido um ano muito bom e tenho certeza que para muitos de nós, com tantas boas provas (e certamente aprovações) surgindo no panorama. Torço para que tudo dê certo para você. Sucesso e obrigado por comentar =D.
Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: