Prof. Moraes Junior

22/08/2013 | 21:50
Compartilhar

Contabilidade Geral - Cespe

Prezado(a) aluno(a),


Vamos estudar para o TCU e AFT? Então aí vai a resoluções de dois itens da prova da Unipampa, de 2013.


O plano de contas de uma empresa não financeira inclui adiantamentos de contratos de câmbio; benfeitorias em propriedades de terceiros; constituição de provisão para redução a valor recuperável; despesas do exercício seguinte pagas antecipadamente; e empréstimos a longo prazo. Em relação a essas contas, julgue os itens a seguir.


1. Três dessas contas têm saldo de natureza devedora e duas têm saldo de natureza credora.


Resolução


Vamos analisar as contas:


Adiantamentos de Contratos de Câmbio: É um direito da empresa, classificado no ativo circulante, quando nada for dito em relação ao prazo, de natureza devedora.


Benfeitorias em Propriedades de Terceiros: É uma conta de natureza devedora classificada no ativo não circulante.


Constituição de Provisão para Redução a Valor Recuperável: É uma conta de natureza credora classificada no ativo não circulante (retificadora).


Despesas do Exercício Seguinte Pagas Antecipadamente: É um direito da empresa, tendo em vista que as despesas foram pagas antecipadamente, ou seja, é uma conta de natureza devedora classificada no ativo circulante (conta patrimonial).


Empréstimos a Longo Prazo: É uma obrigação da empresa (empréstimos a pagar) classificada no passivo não circulante, de natureza credora (conta patrimonial).


Portanto, três dessas contas têm saldo de natureza devedora e duas têm saldo de natureza credora (conta patrimonial).


GABARITO: Certo


2. Três dessas contas são patrimoniais, e duas, de resultado.


Resolução


Todas as cinco contas são patrimoniais.


GABARITO: Errado

Segue o link dos meus cursos online em andamento (para AFT e para o TCU):

http://www.pontodosconcursos.com.br/cursos/default.asp?video=0&tipo_busca=professor&param=professor&codigo_categoria=58


Bons estudos,


Moraes Junior

moraesjunior@pontodosconcursos.com.br



 



 


Comentários

Ainda não há comentários

Comentar este artigo
MAIS ARTIGOS DO AUTOR
Compartilhar: